segunda-feira, 13 de julho de 2015

Mês Especial do Rock 22- Piada Que o Coringa Não Contou

Oba! É Dia do Rock e nada melhor do que falar de... Killing Joke!

Grupo inglês originário de Notting Hill, surgiu em 1978 e lançou seu 1º disco 2 anos depois.
Suas canções misturam sons eletrônicos, góticos e de punk rock. Por isso, que elas ficaram bem sonoras (não barulhentas ou ensurdecedoras) e sombrias.
Quem achava que teve seu nome inspirado pela graphic novel  Batman- A Piada Mortal... se enganou, porque a hq só saiu em 1988.
Sua música de maior sucesso (se não a única) é Eighties:
...que conheci no rádio e serviu de abertura do programa 80 por Hora, da Unisinos FM.
Ano passado, no programa de flashbacks da União FM, escutei uma música que bem depois, suspeitei ser da banda.
Demorei pra achar e descobri ser esta aqui:
Acertei!

Parou de tocar em 1996 e retornou em 2002.
Dave Grohl (do Foo Fighters) participou do Killing Joke depois de seu retorno e por pouco tempo.

Integrantes: Jaz Coleman (vocal e teclados), Kevin "Georgie" Walker (Guitarra), Martin "Youth" Glover (baixo), Paul Ferguson (bateria e vocais) e Reza Udhin (teclados)

Ex-integrantes: Paul Raven (baixo), Martin Atkins (bateria), Dave "Taif" Ball (baixo) e Ben Calvert (bateria)

Discografia: Killing Joke (1980), What's THIS For...! (1981), Revelations (1982), Fire Dances (1983), Night Time (1985), Brighter Than a Thousand Suns (1986), Outside the Gate (1988), The Courtauld Talks (1989), Extremities, Dirt & Various Repressed Emotions (1990), Pandemonium (1994), Democracy (1996), Killing Joke (2003), Hosannas From the Basements of Hell (2006), Absolute Dissent (2010) e MMXII (2012)

Fontes: Wikipédia (Brasil e EUA)

Nenhum comentário:

Postar um comentário